Conheça a casa de container e o que você precisa para ter uma

Tempo de leitura: 2 minutos

A cada dia surgem novas alternativas de arquitetura no Brasil e no mundo. Um dos projetos que anda chamando a atenção é a casa de container, por ser mais sustentável, ter preços atrativos e a facilidade de ser construída.

Sim, os containers são aquelas estruturas metálicas utilizadas para transportar cargas em navios. Como são modulares, podem ser empilhados e projetados de infinitas maneiras.

Uma construção dessas é muito mais barata que a convencional: o valor médio do m² é de R$ 1.500 e pode ser construída em até 90 dias. Além disso, é uma alternativa moderna e perfeita para quem gosta de um estilo ousado.

Ficou curioso? Separamos algumas informações que você precisa saber caso esteja buscando uma nova saída.

Quais são as diferenças entre uma casa de container e uma tradicional?

Apesar de construída rapidamente, o tempo de projeto da casa de container é maior, mas a compra de material é melhor estruturada durante essa fase. Na alvenaria, você pode ser surpreendido por pedidos de materiais além do previsto.

Como elaborar esse projeto?

É necessário um profissional especializado na área que, inclusive, analisará a posição solar, a quantidade de aberturas e todos os pormenores. Empresas que vendem containers também elaboram o projeto arquitetônico, mas fique atento para que fique completo.

Além disso, é preciso da aprovação da Prefeitura. Como em qualquer outra construção é recomendado pedir autorização. E não se esqueça do Registro Imobiliário!

Que tipo de terreno é preciso ter?

O terreno precisa ter um tamanho mínimo de 6 metros, uma vez que o container de 20 pés conta com 6 metros de comprimento. Além disso, é necessário somar as distâncias legais a serem mantidas dos vizinhos e da calçada.

O local não precisa ser necessariamente plano, mas é importante ter em mente que, quanto mais plano, menos trabalho e dinheiro você gastará para a instalação.

Outra informação que você deve checar é o acesso ao terreno. O container precisa ser deslocado por um caminhão, ou seja, é imprescindível ter passagem para isso. Depois, ele será erguido por um guindaste, que realizará algumas manobras para fazer o trabalho. Conclusão: espaço é mais que fundamental!

É necessário também verificar se as ligações de energia elétrica e telefonia passam em frente ao terreno. Se sim, é importante medir para saber se os veículos conseguem passar.

Depois do terreno pronto e containers colocados, o que fazer?

Aí vêm as instalações elétricas, a hidráulica e o drywall, além da proteção e estruturação interna dos containers, ou seja, umidade, térmica e acústica. Por fim, virá o acabamento em gesso.

Por ser feito de aço, no container faz muito barulho quando chove. É por isso que é essencial pensar no telhado. Podem ser utilizadas as telhas sanduíches com estruturas metálicas. A instalação também é rápida.

Definitivamente, a casa de container é uma ótima alternativa, tanto financeira, quanto visual. Além de ser uma construção bem mais sustentável.

Gostou dessa sugestão? Por falar nisso, sabia que você pode aproveitar a água da chuva para diversas utilidades?

captação água da chuva custo